Speech de boas vindas!

Senhoras e Senhores,

Bem vindos ao blog "aqui em cima".

Obeservem o número da poltrona no cartão de embarque.

Junto as saídas de emergência, não é permitida a acomodação de crianças ou colocação de bagagens.

Acomodem a bagagem de mão no compartimento acima ou embaixo da poltrona à sua frente.

Lembramos que os pertences de mão trazidos a bordo são de responsabilidade dos clientes.

Obrigado.

26 de julho de 2011

Série Uniformes: British Airways



Assita ao vídeo antes de ler este post, nele você poderá presenciar o delicioso estilo British de voar num A318 totalmente configurado em classe executiva. Prova de que o glamour da aviação não morreu, ele existe dentro das pessoas que querem fazer da aviação o seu lar.



Nascida em 1924, e batizada inicialmente de Imperial Airways, a atual British Airways é uma das maiores companhias aéreas do mundo, sendo a segunda maior europeia e a que mais voa entre a Asia e Europa.



Logo após a primeira guerra mundial, surgiram várias empresas de aviação civil, sendo que o Reino Unido foi um dos pioneiros no ramo, com a criação da Imperial Airways; que tinha a finalidade de ligar as colônias britânicas espalhadas pelo mundo de modo eficiente, rápido e com qualidade.



Em 1972, após a fusão da British European Airways (BEA), e da British Overseas Airways Corporation (BOAC), deu-se origem à grande empresa aérea britânica que conhecemos hoje por simples e puramente British Airways.




Três anos mais tarde, a empresa, em parceria inédita com a também aérea Air France, iniciou voos super-sônicos com o explêndido Concorde, que operou na rota Londres - Nova Iorque durante 29 anos, pois em 2001 o Cocorde fora aposentado.



Muitas aeronaves passaram pela frota da British, que hoje soma 237 aviões. Sua forta é extremamente versátil, indo dos pequenos Airbus A318 ao gigante Airbus A380(encomendado), passando por Boeing's de vários modelos como o B737, o B747, B767 e o B777.



Os uniformes da British Airways sempre foram clássicos e fizeram com que a imagem da empresa fosse espelhada na qualidade e na sofisticação. Logo após a fusão de 1972, a nova empresa resultante resolveu criar seu novo uniforme, mas para essa difícil missão a empresa resolveu escalar um grande nome da moda à época: Sir Edwin Hardy Amies, ou seja, ninguém menos que o estilista da Sra. Rainha Elizabeth II.



Mais tarde, já no final da década de 70, a British resolve implantar sua marca definitiva nos uniformes de seus funcionários e mais uma vez, chama um nome de peso da moda para desenhar os novos trajes.




Desta vez, o convidado foi Baccarat-Wetherall. O desenho feito por Baccarat durou por quase uma década, até que em 1986, a British muda sua logomarca, e para mostrar ao mundo sua mudança, ela também renova os uniformes com o desenho de Roland Klein. À época, a British era sinônimo de luxo e elegância e era a companhia aérea preferia das pessoas em todo o mundo.





Paul Costelloe fez uma nova versão para todo o luxo que a British queria mostrar e seu uniforme durou mais de uma década (fora usado entre 1992 e 2005); para demonstrar a elegância e o luxo, tudo fora pensado nos mínimos detalhes, inclusive os botões dourados, que possuem o logo da British neles; ou seja, esse uniforme era único e exluvisamnete desenhado para os funcionários da British.



O uniforme atual é de ninguém menos que a estrela da grandiosa marca Givenchy, a fashionista Julien Macdonald. Moderno, tradicional, clássico e acima de tudo extremamente elegante, o uniforme atual da British Airwyas é sem dúvida alguma uma das peças mais bonitas dos céus.









Para maiores informações a respeito da empresa, entre no site do museu da British Airways.

Nenhum comentário:

Postar um comentário